Blocos 3D – Texturas Parquet Nobre para SketchUp

Por Felipe Madeira – Publicado em 9 de Junho de 2020.

Tempo de Leitura — 4 Minutos

Blocos 3D – Texturas Parquet Nobre para SketchUp

Por Felipe Madeira
Publicado em 9 de Junho de 2020.

Tempo de Leitura
4 Minutos

Hoje em dia é cada vez mais nítida a relevância que softwares de modelagem e renderização tem na atuação profissional de arquitetos, designers e decoradores. O desenvolvimento dos projetos conseguiram ganhar escala, se tornando mais rápidos, mais intuitivos e mais inteligentes, graças à evolução dos programas específicos de modelagem e representação. Nas duas últimas décadas esse aplicativos passaram de um robótico CAD (sigla traduzida para Desenho Assistido por Computador) com interface simples, bidimensional e rígida, como uma espécie de versão computadorizada do desenho geométrico tradicional, para softwares tridimensionais, interativos e com alto grau de personalização, permitindo gerar formas e gráficos tidos como impossíveis na geometria descritiva da “Era da prancheta”. Presenciamos assim uma guinada para a representação cada vez menos abstrata, mais próxima da realidade, tornando sua compreensão mais didática até mesmo para leigos.

E se falamos em compreender e representar arquitetura, o principal recurso proporcionado pela evolução dos softwares especializados é, sem sombra de dúvidas, o Render 3D. Uma ferramenta computadorizada capaz de simular volumes, textura e iluminação de um projeto físico, além de poder capturar uma imagem a partir de determinado ângulo. Esse tipo de ferramenta, que ganhou notoriedade nos filmes de animação Hollywoodianos, foi se consolidando no mercado ao favorecer a compreensão do cliente sobre o que está sendo proposto pelo profissional, de maneira atrativa e próxima da realidade, diminuindo assim as barreiras de comunicação entre eles.

Não tem muito tempo que para se fazer um bom Render era necessário um “supercomputador” e bastante experiência no assunto. Ainda assim, levaria horas para conseguir um arquivo final minimamente convincente e com boa resolução de imagem. A saída era o Render Manual, perspectivas buscando representar ambientes e projetos, simulando materiais e revestimentos com técnicas de desenho, utilizando canetas, marcadores, lápis, ceras e etc. Materiais caros, processos demorados, meticulosos e que, embora encantadores, debruçavam-se no poder de abstração do cliente para um interpretação completa do que estava sendo proposto.

Comparativo entre Cena 3D Modelada e Renderizada

Comparativo entre Cena 3D Modelada e Renderizada
Fonte: Live Enhanced

Deste modo, os softwares especializados em rendering de imagens evoluíram no sentido de exigir cada vez menos conhecimento técnico para conseguir melhores resultados em computadores mais simples, tornando essa tecnologia mais acessível a todos os profissionais da área. Os programas de modelagem também se tornaram grande aliados, desenvolvendo Plugins (aplicativos de integração entre dois programas), permitindo acrescentar texturas, pontos de iluminação, câmeras (vistas pré programadas) de renderizações, atributos que favorecem o trabalho durante a geração das imagens 3D.

Talvez o mais popular dentre os elementos de integração, usado de maneira massiva devido a sua indiscutível praticidade, são os Blocos 3D. Esses blocos são arquivos que contém um objeto ou um conjunto de objetos modelados em 3D ou 2D, que carregam consigo uma série de atributos técnicos e estéticos fidedignos à realidade, desde unidade métrica à materialidade. Esses arquivos permitem modificações e inserções em diversos softwares, facilitando a composição de cenas de ambientes em 3D.

A popularização dos Blocos 3D fez com que grandes indústrias começassem a compartilhar o seu material, permitindo a inclusão de seus produtos virtualizados, de forma gratuita, nos mais diversos projetos. De maneira fiel e descomplicada, a inserção desses objetos pré modelados, otimiza o tempo e o esforço do projetista, gerando um produto final mais sólido e vendável. Hoje o 3D Warehouse é a maior plataforma de compartilhamento destes arquivos, um projeto Google, adquirido em 2012 pela Trimble Inc, que hospeda e categoriza diversos produtos disponibilizado por empresas e por colaboradores externos, promovendo a maior biblioteca de arquivos 3D Online. Preocupados em facilitar a apresentação dos projetos de forma fiel ao material, hoje a Parquet Nobre faz parte dessa plataforma, sendo a primeira empresa de revestimentos e pisos de madeira no Brasil a disponibilizar blocos com as suas paginações separadas por espécies.